Programa de Cisternas de Placas para o Consumo Humano

Foto: Fernanda Oliveira

Foto: Fernanda Oliveira

Com o intuito de minimizar os danos sociais causados pela falta de recursos hídricos na região do Semiárido, a Secretaria o Desenvolvimento Agrário (SDA), através do Ministério de Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), implementaram o Programa de Cisternas de Placas no estado do Ceará, uma iniciativa que pretende melhorar o acesso à água para a população de baixa renda, fortalecendo a convivência com o semiárido e garantindo uma melhor qualidade de vida.

Objetivo:

Beneficiar famílias de baixa renda com dificuldade de acesso à água, através da construção de cisternas de placas, proporcionando capacitação e formação para a convivência com o semiárido. Também visa melhorar a capacidade hídrica através da captação da água da chuva, promover a educação da população em questões de saúde, higiene, ecologia e cidadania através do trabalho nas escolas e de agentes de saúde, além de reduzir a incidência de contração de doenças de veiculação hídrica, formando e capacitando para a convivência sustentável com o semiárido.

Público alvo:

Famílias de baixa renda que não dispõem de fonte de água com boa qualidade ou meio adequado de armazená-la para suprir as suas necessidades. Famílias que sejam enquadradas nos critérios de elegibilidade do Programa Bolsa Família, do Governo Federal. As prioridades são comunidades atendidas por carros pipa, comunidades indígenas, assentamentos de reforma agrária estadual e comunidades quilombolas.

Quer saber mais sobre o Programa de Cisternas de Placas, acesse o site da Secretaria o Desenvolvimento Agrário através do link.

voltar